Archive for agosto \31\UTC 2010

Eu acredito em Papai Noel…

31 de agosto de 2010

Em matéria publicada hoje no jornal “A Notícia”, a secretária municipal de Saúde, Polyana Prandini de Assis, disse que é comum que às segundas-feiras o PA fique lotado e que os pacientes aguardarem por até 4 horas para serem atendidas. E, segundo me informou um funcionário da Prefeitura, a secretária chegou a conceder uma entrevista à Rádio Cultura e disse que realmente é comum esse crescimento na demanda, por ser segunda-feira e o tempo estar muito seco.

É, a partir de agora vou começar a acreditar em papai Noel…

“Companheiro é companheiro”, uma ova!

31 de agosto de 2010

Chegava hoje da cidade de São Gonçalo (onde fui distribuir o “São Gonçalo Notícias”) e, ao passar pela Wilson Alvarenga, deparei com Guilherme Assis e o ex-vereador pelo Partido dos Trabalhadores, Luiz Cláudio do Patrocínio, em frente ao comitê de um candidato a deputado estadual pelo PT, Caio Magalhães. Parece-me que pára-quedista da vizinha São Domingos do Prata. Em seguida parei em um bar e, entre uma conversa e outra, com dois funcionários públicos municipais, tomei conhecimento de que o ex-vereador Luiz Cláudio tirou férias da Prefeitura, onde ocupa o cargo de sub-prefeito da região do Cruzeiro Celeste (alguém lembra-se disto?), para ficar à disposição da campanha do Caio Magalhães aqui na terrinha de Jean Monlé. Aí eu me perguntei: “que pôrra de companheiro é este”?

Luiz Cláudio foi, por duas vezes consecutivas, presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Monlevade, no período pós Antônio Ramos. Chegou a entrar na política partidária e sair vitorioso em seu primeiro mandato, no ano de 2000 (foi reeleito em 2004, mas com uma votação bem inferior), graças ao falecimento do então vereador e ex-prefeito e também ex-dirigente sindical, Leonardo Diniz Dias. Alguém com um perfil semelhante, ou seja, da base operária, teria de preencher aquela lacuna. Foi indicado o Patrocínio. E dali nasceu sua trajetória política.

E agora uma banana ao Neto!

31 de agosto de 2010

Mas como dizia, esse lema de que “companheiro é companheiro”, deve servir para quem realmente é fiel. No mais, é balela pura. Porque, independentemente de qualquer diferença, as lideranças petistas em João Monlevade tinham a obrigação de apoiar a candidatura do odontólogo e ex-secretário municipal de Saúde no governo de Laércio Ribeiro (PT), José Beserra Neto (“Neto Dentista”) para deputado estadual. Por mais erros que tenha cometido em sua posição radical (lembram-se do fato durante eleições de 2000, quando ele e o então vereador Antônio Contrapino, deitaram-se em baixo do caminhão que transportava o trio-elétrico da campanha de Carlos Moreira?), ele sempre abraçou a bandeira e lutou pelo PT em Monlevade? E agora é traído pelo colega Luiz Cláudio do Patrocínio?

Uma pena, pois se estivesse entre nós o companheiro Leonardo Diniz, com toda certeza estaria abraçando a candidatura de Neto. Mesmo o Dr. Laércio Ribeiro anda meio afastado do candidato e que sempre o defendeu enquanto ocupou o cargo de chefe do Executivo. Estão faltando um dos gestos mais nobre desse pessoal do PT, a quem chamamos gratidão. Pelo menos isto, pois praticamente abandonaram Neto nessa empreitada.

Adeus ao “Bodão”

31 de agosto de 2010

“Bodão” (1º da direita para a esquerda), como integrante do conjunto musical “Monson”. Ao lado de Waltinho, do saudoso Zé Paulo, Luciano Lima e Wilson Vaccari

Faleceu agora a pouco no Hospital Margarida, o metalúrgico aposentado da Usina de Monlevade e grande músico, Helvécio Godoy, popular “Bodão”. Residente por vários anos no José de Alencar, atualmente morava no bairro Loanda.

Nos anos 70, “Bodão” tocava na noite monlevadense e fez parte, como guitarrista, do saudoso conjunto musical “Monson”, participando de vários festivais da canção.

Aos seus familiares, nossos sentimentos e que ele descanse em paz.

CDL será parceira no Natal 2010

31 de agosto de 2010

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Monlevade será parceira do município para a ornamentação e realização das festas natalinas de 2010, assim como ocorreu no ano passado.

No final de semana, estiveram reunidos o presidente da entidade, Luiz Valente o vice-presidente Francisco Melo; e a 1ª do município, Daniela Machado, que coordena o referido projeto de final de ano. Ficou determinado que a ornamentação novamente será confeccionada com materiais recicláveis por uma decoradora da cidade de Itabira.
A CDL incentivará no desenvolvimento da programação, inclusive reeditando a apresentação dos “cantores mirins”, conforme aconteceu em anos anteriores, no prédio da entidade.

Dainela Machado foi recebida por Luiz Valente e Francisco Melo, na sede da CDL

Eu já sabia…

30 de agosto de 2010

Escrevo aqui no Blog há mais de um mês que o candidato Hélio Costa repetiria o que ocorreu nas eleições de 1994, ou seja, seria derrotado novamente em Minas. Isso mesmo quando o candidato peemedebista estava quase 20 pontos à frente do seu principal adversário, o tucano Antônio Anastasia, nas pesquisas de opinião pública. E nesse final de semana foi apresentada uma pesquisa onde a realidade começa a aparecer, ou seja, pela primeira vez, Anastasia aparece à frente de Hélio Costa, segundo pesquisa do Ibope. Para mim, nenhuma novidade. A única surpresa poderá ser a vitória do PSDB ainda no 1º turno. Assim como Lula no Brasil, Aécio Neves faz a diferença em Minas.

Falando em Lula…

30 de agosto de 2010

Não vi, mas me contaram. E pesquisei na Net.. No programa do Raul Gil de sábado o polêmico jornalista esportivo Jorge Cajuru foi convidado no quadro “Para quem você tira o chapéu”? Pois o moço, como não deveria de ser o contrário, não tirou o chapéu para ninguém. E, quando era para o “Bolsa Família”, disse Cajuru: “não tiro o chapéu de forma alguma para este programa do governo. Afinal, ele está servindo apenas para criar obesos e burros neste país”…

Vale uma reflexão, mesmo partindo do Cajuru.

Galo, a 2ª Divisão nos aguarda!

30 de agosto de 2010

Lembram do Tite? Pois é, mas é este aí em cima e que nos levou pra baixo. AQgora a história começa a se repetir…
]
Poderia inserir esta postagem ontem, logo após mais uma derrota do Glorioso Galo das Gerais. Mas preferi não, porque o leitor iria se ofender diante de tantas palavras de baixo calão. Então, melhor a calma e um sono.

Estamos fadados a mais um vexame e a queda para a 2ª divisão. Talvez agora tenha sido decretado que, a cada cinco anos, estaremos lá. Uma vergonha principalmente deste treinador/empresário Luxemburgo e de jogadores medíocres e covardes, que recebem altos salários para andar em capo e desrespeitar a torcida. E mais: em minha opinião, o presidente Kalil é o menos culpado, pois praticamente colocou as finanças do clube em dia, paga os salários regularmente (e isso não ocorria há anos) e contratou os jogadores que o técnico pediu. Um time caro e bonito apenas no papel, na teoria. Portanto, falta é vergonha na cara desses pilantras, comandados por este cara que hoje é muito mais empresário de jogadores do que comandante de uma equipe.

Ao Kalil só está faltando mandar embora o Luxemburgo e sua comissão, e alguns jogadores de merda. Chega.

Concurso Literário

30 de agosto de 2010

Escritores, não deixem de participar do Concurso Literário de João Monlevade, nas modalidades de crônicas e poesias. As inscrições foram prorrogadas e podem ser feitas até esta sexta-feira, 3 de setembro. Mais informações na Fundação Casa de Cultura. O tema é sobre os valores de nossa gente.

CMT se reúne para discutir aumento no preço da passagem

30 de agosto de 2010

Será nesta quarta-feira, 1º de setembro, que a onça começa a beber água no caso da passagem do transporte coletivo em Monlevade. Isso por irresponsabilidade do governo municipal e quem poderá pagar o prejuízo é o usuário, ou seja, o povo.

O problema é que a Prefeitura não repassa à empresa de ônibus Enscon, desde maio me parece, o dindin que dá gratuidade às pessoas portadoras de necessidades especiais. Em Monlevade são cerca de 80 pessoas que se utilizam desse programa e é a administração municipal responsável em repassar o ônus empresa de transporte coletivo. Sem verba, a solução será aumentar o preço da passagem. Do contrário, segundo afirmou o proprietário da Enscon, senhor Mauro Lara, os próprios funcionários da Enscon terão salários atrasados e os fornecedores ficarão sem receber até que o dinheiro seja repassado. A coisa tá feia.

Decisão será depois de amanhã, durante reunião do CMT, e a proposta é de que a passagem sofra reajuste em vinte centavos no bolso do usuário. Uma vergonha, diria Boris Casoy.