Archive for maio \30\UTC 2011

30 de maio de 2011

Clique na Imagem

Estava meio preguiçoso?

30 de maio de 2011

Pode até parecer preguiça, mas não era. É que o lançamento do Site me tomou muito tempo e não havia como promover tantas postagens como faço constantemente. Na noite desse domingo, conversando com a amiga Regina, falava justamente sobre isto. E como é leitora assídua dos blogs de J. Monlevade, pedi desculpas. Mas tentarei ser o mais presente possível, apesar do passado a qual tanto me resgato, pelas histórias do passado de nossa terrinha.

Passada a euforia… Vamos aos finalmente!

30 de maio de 2011

Passada a euforia pelo projeto concluído e, como diz o colega e blogueiro J. Henriques, subindo montanhas, agora é hora de novamente voltar ao instante, ao aqui e agora, ou seja, arregaçar as mangas e cair nas postagens. Porque, além de uma boa cachaça, é muito gratificante.

E na noite de ontem a primeira coisa que me chamou a atenção foi o comentário de um anônimo, identificado como “Oráculo”. Não li direito e depois deletei. Afinal, anônimo e merda são as mesmas coisas. Quanto mais meche, mais fede. Mas acho que ele quis dizer que, pelo fato de a Prefeitura de Monlevade ter dado apoio ao projeto “João Monlevade: Caminho de Riquezas”, que eu chamei o vereador petista Belmar Diniz de “covarde”. Caro anônimo, disse, escrevi e assino em baixo. Para mim, o vereador Belmar está sendo um covarde ao tentar agora ser um oposicionista, aproveitando o momento de grave crise política que enfrenta o governo municipal.

No entanto, o assunto em pauta é outro. Caro “quem quer que seja”, não vendo a minha opinião e nem a minha dignidade, em troca de matéria paga. Vendo o meu espaço e, felizmente, tanto a Prefeitura, através da Fundação Casa de Cultura, acreditou em nosso projeto. E sinceramente, agradeço ao prefeito Gustavo, ao assessor de governo, Emerson Duarte, ao presidente da Fundação, Marcos Martino, e ao diretor-executivo da Casa, Gladevon Costa, pelo apoio. E sabe quanto me foi pago? R$ 5 mil (cinco mil reais) por uma publicidade que ficará no ar, para todo o mundo, até o mês de dezembro, ou seja, durante sete meses. Você acha muito dinheiro? Pois é, mas também recebi apoio de mais de uma dezena de empresas privadas e instituições, porque todos acreditaram em nosso projeto. E agradeço a todos pelo apoio, as quais também viu no Site. E quer saber mais? Não ganhei dinheiro com o projeto. Tanto que nem deu para pagar todas as minhas contas e nem comprar um carro novo. Continuo com o meu Pálio, ano/modelo 1997. Portanto, seu “Oráculo de Merda”, vá pra Tonga da Mironga. Ou então se apresente. Será um prazer. Do contrário, execute um projeto que resgata toda a história de uma cidade ou de seu povo.

Aumento de fazer rir…

30 de maio de 2011

Durante o lançamento do Site, na noite da última quinta-feira, tomei conhecimento de que o prefeito Gustavo Prandini de Assis havia oferecido um reajuste de R$ 30,00 (trinta reais) aos servidores públicos municipais, que se encontram no período da data-base. Pensei que se tratava de uma piada diante o clima descontraído em que passávamos ali, início de nossa história, no Hotel do Cassino. Mas só depois que tomei conhecimento de que era mesmo fato, ou seja, de que a proposta salarial do Executivo aos funcionários durante a negociação salarial foi de R$ 30,00, não acreditei. Era fato, mas não deixou de ser piada.

Não vou entrar no mérito de quanto a administração pode conceder ao funcionalismo, mas oferecer um reajuste em casch, e neste valor, acaba desvalorizando e desmotivando ainda mais a categoria. Para mim, faltou habilidade. Caro prefeito, dê uma repensada porque em uma data-base negocia-se índices que se incorporam ao salário dos trabalhadores, não um mesmo valor. Então, ofereça uma percentagem maior para quem recebe menos e menor para quem tem salário maior.

Rio Piracicaba: A volta da “Política do Varejo”

30 de maio de 2011

Sou monlevadense da gema com muito orgulho. Mas se há uma cidade que também faz parte de minha história é a vizinha Rio Piracicaba, onde tudo teve início. No Arraial de São Miguel do Piracicaba. Onde nasceu meu pai e viveram meus avós. A pensão da Vó Marica, de frente para a estação de trem. Depois passada de geração e foi administrada pela minha Tia Gininha. Ao seu lado a Dia Dinda. Uma negra bonita, educada e sempre sorridente, cujos quitutes e o tempero eram dos deuses. Saudosas, assim como o meu tio “torto” Vicente Camilo, uma pessoa especial. E naquela época se fazia política com seriedade, respeito ao dinheiro público. E um dos exemplos foi o também saudoso Walter Valamiel, a quem tenho imensa saudade. Um prefeito que foi o divisor de águas em Rio Piracicaba, onde passava minhas férias escolares durante a infância e adolescência.

Mas muita coisa mudou… Além do Coronealismo praticado pelo “Homem do Chapéu”, o ex-prefeito Antônio Cotta, que deu início à política do varejo – onde se dando tudo se colhe -, agora é a vez do “Super-Homem”, Dr. Gentil, levado para Rio Piracicaba pelo meu primo, saudoso Danilo Melo Camilo, também médico recém-formado. Amigo íntimo do coronel, tornou-se seu “inimigo político” e venceu o seu opositor – apoiado pelo Antônio – nas eleições municipais de 2008. Mas, apesar de sempre ter criticado a política paternal e varejista do Cotta, parece ter aprendido o ofício. Basta ir à cidade, da qual fomos distritos por vários anos, e avistar um belo cenário de troca de telhas e colocação de tijolos. Tudo como manda a política coronealista.

Mas nesta segunda-feira, feriado municipal em homenagem ao Padre Pinto, ninguém trabalha. Os caminhões não abastecem e as obras são paralisadas. Mas as eleições estão se aproximando. Portanto, a partir de amanhã, tudo como antes no quartel de Abrantes…

30 de maio de 2011

Clique na Imagem

www.morrodogeo.com.br – O endereço para ter acesso à nossa História

28 de maio de 2011

Seja um Assinante Virtual do nosso Site. Saiba como:

28 de maio de 2011

Através de nossa Site, você pode acessar a todas
as edições do jornal “Morro do Geo”, desde o seu começo.

Felizmente, como várias pessoas nos encaminharam e-mails somente no dia de ontem para saber como processar o Login para ter acesso ao jornal “Morro do Geo”, seguem as explicações abaixo:

Para isso, bastar entrar na Home-Page, no Link “Fale Conosco” (à direita, na parte superior da página). Coloque seu nome e e-mail, mandando a seguinte mensagem: Quero ser um Assinante Virtual.

Imediatamente você receberá uma mensagem com a sua senha. A partir daí basta logar, colocando seu e-mail e senha, e terá acesso ao Download do jornal.

Obs: O acesso gratuito somente será concedido durante 24 horas, para que conheça o jornal. A partir daí, terá de pagar uma taxa anual, no valor de R$ 50,00 (Cinquena reais).
Querendo ser um parceiro, envie-nos um e-mail e lhe daremos os dados bancários para execucação do depósito.

O endereço do Site que resgata a história de João Monlevade: www.morrodogeo.com.br

27 de maio de 2011

João Roberto e Ronivaldo: o melhor da MPB

27 de maio de 2011

Clique na foto

Na foto acima a dupla (que não é sertaneja, graças a Deus), João Roberto (D) e Ronivaldo. Ontem eles abrilhantaram o evento de lançamento do Site (www.morrodogeo.com.br), apreentando o finao da Música Popular Brasileira. Vale a pena ouvir os clássicos da MPB com estes dois monlevadenses, da gema.

Contato: (31) 8857.8018