Por ser assim, vale a pena colocar a Mochila nas costas e partir…

A vida é assim, desta maneira. Eu, por opção, deixei minha terra natal e rumei para outro canto destas Geraes, e não me arrependo. Aqui, como sempre falo, sempre terei meus amigos e a minha história. Mas por lá, conheci outro povo, fiz outros amigos, vivo outra cultura. E isto é saudável, divino. Com uma ideia na cabeça, pegar a mochila, colocar nas costas e partir. E não carece muito para ser feliz. Nem luxo e muito menos orgulho. Apenas um espaço, um canto onde se possa ser feliz. Mesmo que venha vez ou outra o banzo, uma saudade da pátria natal. Mas o que vale é que esta mudança, que diria até radical, só me fez bem, respirar mais e conviver menos com a hipocrisia política que se plantou em minha Monlevade, que amo e odeio. De avistar pessoas que comem ovo cozido e arrotam caviar. Que colocam no carro zero, sua prepotência estampada em pele de corvo.

Pois é, mas cá estou eu. Com lenço e documento, mas sem aquela tal de preocupação de derrubar o colega de lado, no meu próprio local de trabalho. A vida segue porque assim quer o Criador e por sermos eternos aprendizes. Amém!

GEDSC DIGITAL CAMERA

Foto: Marcelo Melo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: