Sem entender!…

Cada dia mais me espanto quando me deparo com pessoas de meu convívio, gente do bem e de caráter. De intelecto elevado, ainda defendendo um ladrão e cínico como o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Tudo bem que alguns usam desta estratégia porque dependem do PT e do poder para se sustentarem financeiramente; dá para compreender. Mas outros não! Estes parecem ter passado por uma lavagem cerebral de grande potencialidade e insistem defender quem não tem defesa.

Nem vou falar aqui no Lula como presidente, porque contribuiu, sim, de forma sistemática, em questões sociais. Pontos importantes foram positivos em seu governo e beneficiaram a população mais pobre. Disto não tenho dúvidas. No entanto, o que fez para se beneficiar com o seu poder, roubando, usando meios escusos para enriquecer sua família, crescer seu patrimônio colocado em nomes de laranjas, corromper-se, tornar-se mais um bandido entre os políticos deste país, e ainda ter a cara de pau de negar tudo, é inadmissível. E pior: ter tanta gente do bem compactuando com seus crimes e o defendendo de forma sistemática. E colocando a culpa nesta “imprensa elitista”. Valha-me, Deus!

Pois é, tenho vários amigos ligados ao PT, e até parentes, entre militantes e simpatizantes. Respeito a todos como pessoas e preservo a amizade com aqueles que valem a pena. Não abro mão disto. Afinal, ter amigos é uma grande riqueza. Mas por favor, não venham defender este cara e nem outro político qualquer envolvido em corrupção, porque não tenho paciência e nem estômago.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: